Gabinete de Leitura Ruy Barbosa inicia campanha para adesão de novos sócios

Um importante centro cultural e patrimônio histórico de Jundiaí precisa da ajuda da população e da iniciativa privada para continuar em atividade

Jundiaí (SP) está localizada no centro do maior mercado produtor/consumidor da América do Sul e orgulha-se em ter o 4° melhor IDH – Índice de Desenvolvimento Humano do Estado de São Paulo e o 7° maior PIB do Estado.

Porém, quando se trata de preservação de patrimônios, ainda há muito o que ser feito.

O Gabinete de Leitura Ruy Barbosa, um importante ponto cultural da cidade, cujo prédio é considerado patrimônio histórico, vem enfrentando sérias dificuldades e inicia campanha para adesão novos sócios.

A História da fundação 

Discutido desde 1882, o Gabinete foi fundado no dia 28 de abril de 1908 por Conrado Augusto Offa, João Xavier Dias da Costa, Benedito de Godoy Ferraz, Artur Basílio de Oliveira, Carlos Hummel Guimarães e Manoel Martins de Azevedo e outros 62 funcionários Companhia Paulista de Estradas de Ferro, como “Gabinete de Leitura de Jundiaí”.

Sua primeira sede foi em uma casa próxima ao antigo Cine Ipiranga, na Rua Barão de Jundiaí. Após várias mudanças, finalmente, em agosto de 1922, a Câmara Municipal promulgou a Lei nº 91, autorizando a Prefeitura a construir, na área de prolongamento da Rua do Rosário, um prédio com as acomodações necessárias para o perfeito funcionamento do Gabinete de Leitura.

Em 1923, por sugestão do então prefeito Olavo Guimarães e da Câmara Municipal, o nome da instituição foi alterado, passando a chamar-se Gabinete de Leitura Ruy Barbosa, em homenagem ao conhecido político e jurista. O novo prédio, localizado na Rua Cândido Rodrigues, foi inaugurado no dia 5 de janeiro de 1924.

 

O Gabinete de Leitura, hoje

Adriana Zutini – atual presidente do Gabinete

Adriana Zutini, atual presidente da instituição, esclarece que “o gabinete é uma associação mantida apenas por sócios. É uma instituição filantrópica, que não conta com a ajuda do Poder Público, fora alguns projetos que a gente participa. Temos hoje 250 sócios, que pagam uma mensalidade de R$ 58,00. Esse dinheiro é para manter funcionários, para a compra de livros, assinaturas de jornais e revistas, internet e manutenção básica do prédio”.

Adriana destaca, ainda, a dificuldade em preservar o patrimônio: “o prédio é tombado pelo CONDEPHAAT – Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico – e a gente não tem como restaurar a fachada, que está pichada. Não podemos pintar de qualquer jeito, porque o CONDEPHAAT não autoriza, a multa é altíssima e nós não temos verba para fazer o que é necessário. Em 2019, nós ganhamos um Proesc, que é um projeto do estado, para fazermos algumas oficinas e uma pequena parte da verba foi destinada para manter algumas coisas do Gabinete e de funcionários,  a gente conseguiu se manter na pandemia, um pouco por conta disso,  e fazer um projeto arquitetônico de reforma do auditório. Nós temos auditório, mas não podemos usá-lo porque o bombeiro não libera, pois não tem acessibilidade e nem saída de emergência. Então foi feito um projeto para solucionar o problema e reformar todo o auditório. O projeto foi autorizado pelo CONDEPHAAT, mas precisamos de verba. Estávamos esperando uma emenda de um deputado que havia feito esse pedido, porém a verba foi encaminhada para a saúde, por conta da epidemia”.

Segundo Adriana, a adesão de novos sócios é fundamental para que o Gabinete consiga manter suas atividades, bem como o auxílio de empresas e comércio local.

O Gabinete  possui  sala de leitura, sala de pesquisa, espaço café, anfiteatro, biblioteca circulante com mais de 50 mil volumes, biblioteca infantil, sala de estudo e sala de informática, à disposição de seus associados.

A adesão é isenta de taxa de inscrição. Associe-se. Vale a pena!

 

Endereço: Rua Cândido Rodrigues, 301 – Jundiaí – SP

Telefone: (11) 4521 6204, 4586-5327

Horário e funcionamento: Segunda a sexta-feira, das 9h30 às 19 horas. Domingo – das 9h30 às 12 horas

 

Referências:

Prefeitura de Jundiaí. Disponível em https://cultura.jundiai.sp.gov.br/patrimonio-historico/centro-historico/gabinete-de-leitura-ruy-barbosa/. Acesso em 9.12.2019.

Gabinete de Leitura Ruy Barbosa. Disponível em http://www.gabinete.org.br. Acesso em 9.12.2019.

 

 

One thought on “Gabinete de Leitura Ruy Barbosa inicia campanha para adesão de novos sócios

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fale Conosco!
1
Fale Conosco!
seja bem vindo ao Gabinete de Leitura Ruy Barbosa.
%d blogueiros gostam disto: